A beterraba que virou sopa

Andei vendo tantas beterrabas assadas nos blogs por aí que fiquei na fissura de fazer também.

Então, após dar uma olhada nas várias receitas encontradas, inventei a minha (claro).

Comprei uma bandeja (500 g) de mini-beterrabas. Lavei muito bem, sequei (faça isso com toalhas de papel ou um pano de prato já manchado - depois não diga que não avisei), cortei ao meio e temperei: um fio generoso de azeite, uma colher de sopa de açúcar mascavo (sim, eu queria elas doces) e uma pitada de sal (só pra não faltar). Misturei bem, coloquei em um envelope de alumínio dentro da forma e levei ao forno baixo por uma hora.

Quando provei, confesso que esperava mais. Não sei se faltou tempero, mas ficou quase a mesma coisa que se eu tivesse cozinhado as beterrabas. Nem doces ficaram.

Todo mundo anda falando por aí da tal beterraba assada, eu fico com a cozida mesmo, que fica pronta mais rápido.

Comi algumas no almoço, sim. O resto virou sopa.

* Depois fiquei pensando se não valeria a pena tentar fazer novamente só que temperando com várias ervas. Fica a idéia, depois penso no caso. Antes preciso acabar com um monte de sopa.

Comentários

laila disse…
ba q pena q nao gostou... mas eu eralmente prefiro assada, costumo embrulhar uma a uma, inteirinhas, sem sal nem açúcar...mas se tenho junto ramos de tomilho..

dê outra chance...pode ser q as beterrabas q comprastes nao estivessem tao doces!


bjs
Ba disse…
Laila,
Vou esperar encontrar alguma outra receita, talvez mais incrementada (hehe), quem sabe foi a minha misturinha que não foi das melhores! Afinal, usei as mesmas coisas que se usa normalmente, né...
Beijocas!
Oi, aparecemos aqui, viu?

E pra não deixar de comentar, preferimos crua e ralada mesmo, BEM tempedada (vinagre, oliva extra-virgem, sal, alho, alecrim).

Bjão
Ba disse…
Oi Gustavo,

Assim também é ótima!! E garantida! hehe

Beijo

Postagens mais visitadas deste blog

Uma fruta linda, estranha e sem gosto

Arroz integral com ervilhas

Empanadas integrais de ricota com espinafre