Frango Assado com Laranja e Sálvia

Eu confesso: tenho total e absoluto horror de colocar a mão em carne crua. Na verdade, como não faço muita questão de ter a carne em minha dieta isso nem faz tanta diferença assim, mas nas poucas vezes em que resolvo preparar qualquer carne que não seja moída sempre me deparo com esse probleminha.

Desta vez, consegui fazer tudo sem nem mesmo encostar nela. É claro, a remoção da gordura ficou para depois de pronta, mas eu acho que assim inclusive dá menos trabalho! hehe

Tudo começou quando descongelei a bandeja de carne errada [Aplausos, aplausos. Obrigada.]. Eu planejava fazer uma variação do Frango com Molho de Mostarda ao Porto, da Laurinha, mas já comecei errado! hehe

Tudo bem... vamos improvisar. A bandeja retirada também continha frango, mas eram sobrecoxas ao invés do peito. Como tinha uma outra receita que eu também queria provar (o Frango Assado com Laranja e Sálvia, do As minhas Receitas), segui a ela.

Eu tinha quatro sobrecoxas (só para mim, veja só que gulosa! - malditas bandejas! rs). Coloquei-as em um recipiente e juntei um generoso fio de azeite, o suco de uma laranja, dois dentes de alho ralados, algumas folhas de sálvia rasgadas de qualquer jeito, sal (detesto esta parte, nunca sei quanto sal colocar... um dia aprendo) e uma cebola cortada em oitavos. Deixei marinando por cerca de 30 minutos.

Pré-aqueci o forno em temperatura média-baixa, arrumei as sobrecoxas em uma travessa e joguei a marinada por cima. Como sou, digamos, beeem medrosa com relação a tempo de forno, principalmente com carnes (na verdade, nunca assei carnes antes! hahaha), assei por 30 minutos em forno médio-baixo. Como as sobrecoxas ainda estavam branquinhas, aumentei para fogo médio e deixei até dourar. Ficou no forno cerca de 1 hora, tempo total.

O resultado foi, tirando o fato de que faltou um pouquinho de sal (já imaginava... snif...), delicioso! Fiquei orgulhosa de mim! hahaha

Agora sei que fazer frango assado não é nenhum bicho de sete cabeças... rsrs... e posso variar nos temperinhos, oras! O único problema é que, como eu disse, são quatro sobrecoxas... hã... será que alguém me ajuda?

Comentários

Laurinha disse…
A vantagem da bandeja ter 4 e não consumir as 4 em uma só refeição, é que vc pode congelar uma porção... para outro dia, já está prontinha, só descongelar...

Aqui em casa, sempre que posso duplico, assim, sempre tenho uma salvação no freezer!

Este franguinho deve ter ficado super bom... gosto demais de sálvia... e estas cebolas assim, tostadinhas... aiai, deu vontade!

Beijinhos
Ba disse…
Oi Laurinha,

E verdade, dá pra fazer isso sim... mas acabo sempre consumindo o que está pronto até acabar... me dá mais tempo antes de precisar fazer outra coisa! hahaha

Ficou bem gostoso, farei novamente!

Beijocas

Postagens mais visitadas deste blog

Uma fruta linda, estranha e sem gosto

Arroz integral com ervilhas

Empanadas integrais de ricota com espinafre